Premium A 'cura' para Erdogan? Ex-aliado do presidente turco cria novo partido

Ex-ministro da Economia e vice-primeiro-ministro, Ali Babacan, lançou o Partido da Democracia e Progresso, cuja abreviatura em turco, DEVA, significa "cura" ou "remédio".

Um novo partido nasceu nesta quarta-feira na Turquia prometendo ser a "cura" para quase duas décadas de poder de Recep Tayyip Erdogan. Por detrás da nova formação política está um ex-aliado do presidente turco, o seu ex-ministro da Economia, Ali Babacan, considerado o arquiteto dos sucessos económicos dos primeiros anos de governo do Partido da Justiça e Desenvolvimento (AKP, na sigla em turco). Que ameaça representa o novo partido para Erdogan?

"Os tempos da democracia e do progresso chegaram à Turquia. Nós somos a cura, esta é a hora da cura", disse Babacan, de 52 anos, no lançamento do novo Partido da Democracia e Progresso, que é conhecido pela abreviatura DEVA (de Demokrasi ve Atilim Partisi), que significa "remédio" ou "cura" em turco. "Estamos felizes de apresentar o nosso DEVA, que será a cura para o nosso país", acrescentou.

Ler mais

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG