Premium Independentistas vão a julgamento enquanto Puigdemont faz campanha pela Europa

Ex-presidente da Generalitat, que trocou Espanha pela Bélgica para evitar o processo judicial que agora começa em Madrid, tem viajado pela Europa em várias conferências pela defesa do independentismo catalão.

O Twitter e as conferências sobre o independentismo catalão por toda a Europa são o campo de batalha de Carles Puigdemont, o ex-presidente da Generalitat que se autoexilou na Bélgica para escapar ao processo judicial que agora começa em Espanha.

No banco dos réus sentam-se nove antigos membros do executivo de Puigdemont (seis deles estão detidos), incluindo o ex-vice-presidente Oriol Junqueras ou o antigo conselheiro de Assuntos Exteriores Raül Romeva, assim como a ex-presidente do Parlamento catalão Carme Forcadell e os dois líderes da sociedade civil, Jordi Sánchez (que era presidente da Assembleia Nacional Catalã) e Jordi Cuixart (presidente da Ómnium Cultural).

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

O Banco de Portugal está preso a uma história que tem de reconhecer para mudar

Tem custado ao Banco de Portugal adaptar-se ao quadro institucional decorrente da criação do euro. A melhor prova disso é a fraca capacidade de intervir no ordenamento do sistema bancário nacional. As necessárias decisões acontecem quase sempre tarde, de forma pouco consistente e com escasso escrutínio público. Como se pode alterar esta situação, dentro dos limites impostos pelas regras da zona euro, em que os bancos centrais nacionais respondem sobretudo ao BCE? A resposta é difícil, mas ajuda compreender e reconhecer melhor o problema.