Premium Aconteceu em 1945 - Japão rende-se um dia depois de a bomba cair em Nagasaki

O DN deu a notícia do fim da II Guerra Mundial, com o imperador Hirohito a aceitar as condições da rendição.

"O Japão informou os governos aliados de que aceitava a rendição indicada de Potsdam", titulava no dia 11 de agosto de 1945 o Diário de Notícias, dando conta de que a II Guerra Mundial acabava com a rendição do Japão, "sob condição de não ver atingida a sua soberania ou a pessoa sagrada do imperador Hirohito". No dia 9 de agosto, os EUA tinham lançado a bomba atómica sobre Nagasaki.

"Se é certo que a supremacia aérea e naval dos Aliados, a descoberta de uma nova e terrível arma - a bomba atómica - e a súbita ofensiva russa na Manchúria na Coreia e na Mongólia criaram ao Japão uma situação não apenas grave mas crítica, não é menos verdade que o Exército japonês se encontra praticamente intacto e que a dureza do carácter nipónico, aliada à sua bravura indomável, torna pouco seguro ou, pelo menos, menos, pouco rápido, o efeito dos fatores psicológicos", lê-se.

Ler mais

Exclusivos