Premium Orçamento 2019. Tudo em aberto para a reta final das negociações

Aumento dos salários na função pública e das pensões continua por definir.

Mário Centeno apresentou ontem aos partidos as linhas gerais do Orçamento do Estado para o próximo ano. Conhecidos os dados macroeconómicos - uma estimativa de crescimento de 2,2%, défice de 0,2%, desemprego nos 6,3% -, tudo o resto continua em discussão. Salários da função pública, pensões e redução da fatura da eletricidade vão continuar nos próximos dias em negociação com os parceiros da esquerda. O Orçamento tem de ser entregue na Assembleia da República na próxima segunda-feira, mas há temas que poderão continuar em aberto para a discussão na especialidade, que se prolongará pelo mês de novembro no Parlamento.

Salários e pensões: tudo em aberto

Ler mais

Exclusivos