Premium Como Jesus mudou o Flamengo. A biometria, a relva, a tática e as idas à praia

Treinador português vai estrear-se oficialmente pelo clube carioca na madrugada desta quinta-feira, na Taça do Brasil, frente ao Athletico-PR, num campo sintético. Jornalista brasileiro que acompanha o Fla e treinador português que está no Brasil falam das expectativas em torno de JJ.

Um jogo da primeira mão dos quartos-de-final da Taça do Brasil, frente a um adversário difícil, o Athletico-PR, e num relvado sintético que ele tanto detesta. Assim será o primeiro jogo oficial de Jorge Jesus pelo Flamengo, nesta quinta-feira, na Arena da Baixada, quando forem 01.30 da manhã em Portugal.

O técnico português já orientou a equipa num jogo particular no Estádio da Gávea, a casa do Fla, que terminou com uma vitória por 3-1, e procura agora repetir o triunfo num jogo a sério. Jesus está a trabalhar com os jogadores desde o dia 20 de junho no centro de treinos do Ninho do Urubu. No total teve apenas cinco dias de trabalho em período integral (treinos de manhã e de tarde), outros 11 em período único, um jogo-treino e três dias de folga. Tudo para preparar a partida com o Athletico-PR. E com o regresso de Trauco, peruano vice-campeão da Copa América, ficou com todos os jogadores à disposição e deve fazer alinhar um onze com Diego Alves, Rafinha, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê; Cuéllar, Diego, Vitinho e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabigol.

Ler mais

Exclusivos