Premium São José deixou de garantir urgência de cirurgia vascular todos os dias

Hospital é obrigado a assegurar 24 horas por dia urgência na especialidade de cirurgia vascular, mas ainda no sábado teve de encaminhar casos para Santa Maria. Ordem dos Médicos visita hoje o serviço, depois de denúncias em carta de demissão dos chefes de equipa.

As urgências de São José deixaram de garantir assistência 24 horas por dia a doentes na área da cirurgia vascular. Ainda no fim de semana, o serviço teve de encaminhar os casos desta especialidade para Santa Maria, denunciam fontes do hospital, que apontam a falta de médicos e enfermeiros como a causa para as falhas nas escalas.

A Ordem dos Médicos confirma a informação ao DN e vai hoje a São José para discutir com o conselho de administração os problemas denunciados por uma carta dos chefes de equipa de medicina e cirurgia geral. No texto tornado público no final da semana passada, e em que apresentaram as suas demissões, os 15 especialistas alertam para a falta de condições das urgências, que estão muitas vezes entregues a um interno e que ultrapassam "os limites mínimos de segurança aceitáveis para o tratamento dos doentes críticos que diariamente a ele recorrem".

Ler mais

Exclusivos

Premium

Operação Marquês

Granadeiro chama 5.º mais rico do mundo para o defender

O quinto homem mais rico do mundo, o mexicano Carlos Slim Helú, é uma das 15 testemunhas que Henrique Granadeiro nomeou para serem ouvidas na fase de instrução do processo Marquês. Começa hoje a defesa do antigo líder da Portugal Telecom, que é acusado de ter recebido 24 milhões de euros do GES para beneficiar o grupo em vários negócios.