Premium

Polícia Judiciária

"Estamos preparados para lidar com o pior do mundo." Um dia na escola da PJ

Pela primeira vez a PJ abriu as portas da sua escola para mostrar como estão a ser treinados os novos 120 inspetores. "Estamos preparados para lidar com o pior do mundo", garante a nova geração

Um sobrevoo na quinta de casas cor-de-rosa em Loures, onde está instalada a Escola de Polícia Judiciária (PJ), permitiria apreciar imagens muito próximas de umthriller policial, com muita ação. Mas numa aproximação (zoom) veríamos que o que se passa ali, de facto, não é ficção. É o treino real de 120 jovens - que vão ser os novos inspetores da Judiciária - a pulsar em cada um dos edifícios.

A adrenalina de empunhar uma pistola, a ansiedade nas buscas, a tensão de salvar uma vida, os nervos à flor da pele num contra-ataque de defesa, a persistência no interrogatório ao suspeito de um assassínio - tudo isto se pode sentir e observar num único dia de aulas.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

O Banco de Portugal está preso a uma história que tem de reconhecer para mudar

Tem custado ao Banco de Portugal adaptar-se ao quadro institucional decorrente da criação do euro. A melhor prova disso é a fraca capacidade de intervir no ordenamento do sistema bancário nacional. As necessárias decisões acontecem quase sempre tarde, de forma pouco consistente e com escasso escrutínio público. Como se pode alterar esta situação, dentro dos limites impostos pelas regras da zona euro, em que os bancos centrais nacionais respondem sobretudo ao BCE? A resposta é difícil, mas ajuda compreender e reconhecer melhor o problema.