Premium Nicola Dutto, o primeiro paraplégico a conduzir uma moto no Dakar

Piloto era uma figura consagrada e titulada do todo-o-terreno quando um acidente, em 2010, lhe causou lesões gravíssimas. "Nada me assusta", garante o italiano que terá uma moto especial e a ajuda de "pilotos fantasma" no maior rali do mundo.

Nicola Dutto, de 48 anos, vai participar este ano pela primeira vez no rali Dakar, mas não é "só mais um" a tentar a sempre difícil tarefa de completar a clássica prova, cuja edição de 2019, a 41.ª, vai de 7 a 17 de janeiro, no Peru. O piloto italiano, natural de Turim, vai fazer história ao ser o primeiro paraplégico a competir numa moto.

Durante a primeira década do ano 2000, Nicola Dutto somou títulos atrás de títulos. Começou a correr em Espanha, sagrando-se campeão a conduzir em todo-o-terreno, nas chamadas Bajas, em 2004 e 2006. Depois do sucesso em solo espanhol, uma grande marca convidou-o a competir no seu país natal, onde se sagrou também campeão, em 2008 e 2009. A estes dois títulos em Itália somou também dois Campeonatos da Europa de Baja, sendo então um dos mais proeminentes pilotos da categoria no Velho Continente.

Ler mais

Exclusivos