Premium Um país mais igual 

Chama-se Marie e é francesa, mora em Madrid e veio passar uns dias ao Porto, onde já viveu há três ou quatro anos.

- Estive há tempos em Lisboa e agora no Porto e acho que Portugal mudou muito. Era um país diferente, agora está mais igual.

À mesa levantam-se sobrancelhas. Diferente como, Marie?

Ficamos os luso-asseados a pensar naquilo, indecisos entre um país sujo e excitante e outro limpo mas banal.

- Não sei, era mais sujo, mais escuro, menos direitinho, percebem? Mas também era mais interessante... agora parece um país normal, da "Europa civilizada e chata".

As aspas são de Marie, com os dedos no ar.

Ficamos os luso-asseados a pensar naquilo, indecisos entre um país sujo e excitante e outro limpo mas banal. É o meu irmão que resolve o dilema.

- Deixa estar, Marie, mais tarde ou mais cedo sujamos tudo outra vez.

Escritor

Ler mais

Exclusivos

Premium

nuno camarneiro

O Mourinho dos Mourinhos

"Neste país todos querem ser Camões mas ninguém quer ser zarolho", a frase é do Raul Solnado e vem a propósito do despedimento de José Mourinho. Durante os anos de glória todos queriam ser o Mourinho de qualquer coisa, numa busca rápida encontro o "Mourinho da dança", o "Mourinho da política", o "Mourinho da ciência" e até o "Mourinho do curling". Os líderes queriam ter a sua assertividade, os homens a sexyness grisalha e muitas mulheres queriam ter o Mourinho mesmo.