Premium Para a oposição, habitação e transportes são pedras no sapato de Medina

Apesar das polémicas que envolveram o ex-vereador Ricardo Robles (BE), a taxa municipal de Proteção Civil e o arranque das obras na Linha Circular do Metropolitano de Lisboa, o presidente da Câmara de Lisboa faz um balanço positivo do primeiro ano de mandato, enquanto autarca eleito, e destacou os avanços na área da mobilidade.

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina (PS), faz um balanço positivo do primeiro ano de mandato, mas os partidos da oposição consideram que o executivo não respondeu às questões estruturais da cidade e criticam, em especial, as áreas distinguidas pelo autarca.

"O trabalho, neste ano, avançou de forma rápida, demos importantes passos na cidade de Lisboa relativamente à mobilidade", vincou ao DN o presidente da Câmara de Lisboa, acrescentando que "Lisboa vai receber, nos próximos dias, os primeiros de 250 autocarros e que vão renovar cerca de um terço da frota da Carris".

Ler mais