Sindicatos da Função Pública convocam manifestação

A Federação Nacional dos Sindicatos da Função Pública (FNSFP) convocou hoje todos os trabalhadores do Estado e aposentados a participarem numa "grande manifestação nacional" a 22 junho, que passará em frente ao Tribunal Constitucional.

"Este órgão tem responsabilidades muito grandes neste momento em que vivemos ilegalidades e inconstitucionalidades constantes no que diz respeito aos direitos laborais e fica impávido e sereno lavando as mãos como Pilates ou a favor da Administração", disse hoje à agência Lusa a coordenadora da federação, Ana Avoila.

A manifestação contra o congelamento de salários, subsídios, carreiras e redução de remunerações será aprovada no congresso da FNSFP, que decorrerá dias 30 e 31 de Maio em Lisboa.

"O congresso pretende chamar a atenção para os problemas laborais na Administração Pública e para as funções sociais do Estado que neste momento estão postas em causa, nomeadamente nas áreas da Saúde, Educação e Segurança Social", disse a sindicalista.

No último dia, o congresso sairá também à rua, num desfile até ao Ministério das Finanças.

"Estas ações de luta têm como objetivo lutar contra a desestruturação da Administração Pública", referiu Ana Avoila.

O congresso da FNSFP integrará uma sessão internacional, com representantes sindicais da Grécia, País Basco e Argentina, entre outros.

"Vai ser importante perceber, com a experiência de outros países do mundo, qual está a ser a direção do sector público a nível global", destacou Ana Avoila.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG