Portugal precisa de mais medidas de consolidação

Christine Lagarde, diretora-geral do FMI, afirmou hoje que Portugal precisa de implementar mais medidas de consolidação, mas que deverá ser o Governo de Passos Coelho a escolher as mais adequadas.

Numa conferência de imprensa realizada um dia depois do FMI ter desbloqueado uma tranche de 838,8 milhões de euros a Portugal, Lagarde declarou que Portugal está a fazer um trabalho na redução do défice, mas que ainda há trabalho a fazer no que respeita à consolidação orçamental.

No entanto, a diretora-geral do FMI sublinhou que cabe ao Governo português "decidir quais as medidas que são mais apropriadas".

Exclusivos