Papandreou apela ao voto no novo plano de austeridade

O primeiro-ministro grego disse hoje que o projecto de orçamento plurianual de austeridade em discussão no parlamento até quinta-feira representa uma "ocasião única" e exortou à sua aprovação para que o país "se mantenha de pé".

No início de um crucial debate parlamentar e durante um discurso de 15 minutos, George Papandreou considerou que "o voto é uma ocasião única para que o país permaneça de pé".

Com a votação "vai terminar um período de incerteza" e iniciar-se "uma nova e sã partida para uma economia produtiva", insistiu o primeiro-ministro.

"É o nosso dever patriótico", acrescentou Papandreou, antes de apelar à oposição para "escutar a sua consciência patriótica" e "evitar a propaganda em torno do falhanço" do governo.

Os credores da Grécia impuseram como condição a aprovação deste plano - que prevê o aumento de impostos e um amplo plano de privatizações - para a concessão de uma nova tranche de 12 mil milhões de euros do empréstimo de 110 mil milhões de euros concedido o ano passado, e a aprovação de um segundo plano de apoio para o país, que se encontra à beira da bancarrota.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG