Moody's baixa 'rating' a 30 entidades financeiras espanholas

A agência de notação Moody's baixou o 'rating' em um ou dois níveis a 30 bancos e caixas espanholas, mas manteve os 'ratings' das três maiores entidades financeiras do país, BBVA, Santander e La Caixa.

A entidade justifica a sua decisão pela maior pressão financeira sobre a dívida soberana espanhola e sobre muitos bancos "débeis".

Destaca ainda a perda de importância de entidades regionais e de pequena dimensão e o enfraquecimento do apoio futuro aos bancos na Europa.

A redução do 'rating' ocorre depois de no dia 10 de Março, a Moody's ter baixado o 'rating' de Espanha, de Aa1 para Aa2, com perspectiva negativa, em parte pelos eventuais problemas de recapitalização do sistema financeiro.

No mesmo dia em que anunciou essa decisão, o Banco de Espanha confirmou que as entidades financeiras espanholas necessitariam de 15 mil milhões de euros para se recapitalizar, um valor muito abaixo do que a Moody's considera ser necessário.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG