Wall Street abre animada pela notícia da morte de Bin Laden

A Bolsa de Nova Iorque segue hoje a negociar em terreno positivo, com os investidores a reagirem positivamente à anunciada morte do líder da Al-Qaida, Usama Bin Laden.

Pelas 14:45 de Lisboa, o índice industrial Dow Jones subia 0,23 por cento para os 12.839,34 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq avançava uns ligeiros 0,08 por cento para os 2.875,77 pontos. Já o índice S&P 500 ganhava 0,20 por cento para 1.366,35 pontos.

"Este é um desenvolvimento positivo na campanha contra o terrorismo", sublinhou à agência Bloomberg Jonathan Ravelas, estrategista chefe do Banco de Oro Unibank, nas Filipinas, acrescentando que "nos últimos dez anos, a existência de Bin Laden consistia uma séria ameaça à estabilidade global. A preocupação é que com o anúncio da sua morte surjam actividades de retaliação dos seus apoiantes".

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou no domingo à noite em Washington que Usama bin Laden foi morto no Paquistão por forças especiais norte-americanas. Segundo responsáveis, o líder da Al-Qaida foi morto durante o ataque a um complexo nos arredores de Islamabad, onde a sua presença foi confirmada no final de Abril.

Ler mais

Exclusivos