Teixeira dos Santos: "Percepção social" de fuga aos impostos

A distribuição de dividendos por parte da PT chegou a motivar comentários por parte do ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, que considerou que essa decisão poderia passar a ideia "de que pretende assim fugir ao pagamentos de impostos em 2011".

Teixeira dos Santos afirmou contudo que a sua "preocupação" quanto ao pagamento de dividendos pela PT "não tem base legal" mas tem sim a ver com a "percepção social" desta decisão.

"Não está em causa a legalidade daquilo que se pretende fazer. O meu comunicado foi tão somente para chamar à atenção para outra dimensão desta matéria, que é a percepção social, que é aquilo que as pessoas poderão entender com uma decisão desta natureza", afirmou Teixeira dos Santos no Parlamento.

Ler mais

Exclusivos