Preço do gás natural sobe no primeiro dia do ano

O preço do gás natural para consumidores até 10 mil metros cúbicos no mercado regulado vai aumentar 2,8% a partir de 1 de janeiro, revelou hoje a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE).

Em comunicado, a ERSE informou acerca da revisão trimestral da tarifa de gás natural que vai ocorrer no primeiro trimestre de 2014, um acréscimo que "corresponde a uma variação de 2,8% da tarifa transitória de venda a clientes finais para os fornecimentos abaixo de 10.000 m3".

"Da apreciação das condições de funcionamento do mercado de gás natural e das condições de aprovisionamento nos mercados internacionais, justifica-se a revisão das tarifas transitórias aplicáveis aos consumidores de gás natural a partir de 01 de janeiro de 2014", justificou a ERSE no mesmo documento.

Há duas semanas, a mesma entidade já havia anunciado que a fatura de eletricidade dos consumidores domésticos vai aumentar 2,8% em janeiro, o que representa um acréscimo mensal de 1,21 euros numa fatura média de 46,5 euros.

Em comunicado, a ERSE confirmou a proposta de atualização das tarifas transitórias de eletricidade para os consumidores que se encontram na tarifa regulada, que já tinha apresentado a 15 de outubro.

Exclusivos

Premium

Adriano Moreira

Navegantes da fé

Este livro de D. Ximenes Belo intitulado Missionários Transmontanos em Timor-Leste aparece numa época que me tem parecido de outono ocidental, com decadência das estruturas legais organizadas para tornar efetiva a governança do globalismo em face da ocidentalização do globo que os portugueses iniciaram, abrindo a época que os historiadores chamaram de Descobertas e em que os chamados navegantes da fé legaram o imperativo do "mundo único", isto é, sem guerras, e da "terra casa comum dos homens", hoje com expressão na ONU.