Fumar é um peso para a economia grega

O Comissário Europeu para a Saúde afirma que o número de fumadores na Grécia é um peso para a economia.

Numa entrevista à revista alemã "Wirtschaftswoche" que será publicada na segunda-feira, Tonio Borg alertou para a necessidade de abordar o tema do tabagismo na Grécia.

Para o Comissário Europeu para a Saúde o que está em causa nem é a saúde dos gregos mas antes a economia. "Brevemente eu irei à Grécia, onde 40% das pessoas fuma. É um fator dos custos", afirmou, segundo avança a France Press.

"Fumar reduz a produtividade, o que penaliza a economia nacional, acrescentou o responsável, realçando que 29% dos residentes na União Europeia são fumadores.

Tonio Borg, responsável pelas questões da saúde desde 28 de novembro, esqueceu-se de referir os milhões que os governos recebem anualmente das receitas fiscais sobre o tabaco.

"O dinheiro que as pessoas não gastassem em cigarros poderia ser usado noutras coisas. O consumo global não diminuiria", disse, acrescentando que, ao mesmo tempo, seria gasto menos dinheiro público no tratamento de doenças resultantes do tabaco.

Exclusivos