EDP vendida aos chineses por 2,7 mil milhões de euros

É oficial. A Parpública, a holding que gere as participações do Estado, comunicou agora à CMVM que o Governo escolheu a China Three Gorges para ficar com os 21,35% da EDP.

"O Conselho de Ministros, de acordo com informação transmitida à Parpública, procedeu hoje à selecção da China Three Gorges Corporation para efectuar a aquisição da totalidade

das 780 633 782 acções representativas de 21,35% do capital social da EDP", diz a Parpública em comunicado.

Os chineses eram apontadas com um dos favoritos não só porque tiveram o aval da EDP, mas também por terem apresentado a melhor proposta financeira, oferecendo 2,69 mil milhões de euros, quase o dobro do que vale hoje aquela fatia da EDP.

Além disso, a China Three Gorges proporciona linhas de financiamento de quatro mil milhões de euros e ainda se propõe comprar participações minoritárias em parques eólicos da empresa nacional no valor de dois mil milhões de euros. Quanto ao projecto industrial, a aposta é nas renováveis, área onde a empresa quer crescer com a ajuda da EDP.

Exclusivos