Volume de negócios nos serviços com menor queda

O índice de volume de negócios nos serviços apresentou em março uma variação homóloga menos negativa, recuando 8,6%, depois de ter diminuído 10,5% no mês anterior, divulgou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Quanto aos índices de emprego, das remunerações brutas e das horas trabalhadas nos serviços, ajustadas dos efeitos de calendário, apresentaram diminuições homólogas de 5,1%, 5,1% e 7,1%, respetivamente (reduções de 6,2%, 2,9% e 8,5% em fevereiro, pela mesma ordem).

Exclusivos