"Se os preços forem regulados ficam mais baixos"

O presidente executivo da Galp, Manuel Ferreira de Oliveira, reafirmou hoje que os preços dos combustíveis poderiam ser mais baixos se se atenuassem os impostos e considerou ainda que se o mercado voltasse a ser regulado os preços desceriam ainda mais.

"Se houver um preço regulado é claro que os preços ficam mais baixos, mas é também preciso atenuar os impostos. Quanto mais baixos forem os impostos melhor é para os nossos clientes", disse hoje à margem da inauguração das obras de conversão da refinaria de Sines.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG