Passos: "Não podemos ter o salário mínimo congelado eternamente"

O aumento do salário mínimo nacional deve começar a ser discutido em sede de concertação social, defende o primeiro-ministro, mas sempre tendo em conta a situação económica de Portugal.

"Julgo que nesta altura em que a economia está a crescer e o desemprego numa tendência de redução, é a altura certa para fazer esse debate", disse Pedro Passos Coelho esta quarta-feira durante a conferência do 25º aniversário do "Diário Económico".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG