Nova vida para os Google Glass: vão ter Intel Inside

Fabricante vai lançar versão com hardware melhorado e chip da Intel, numa nova estratégia de lançamento dos óculos futuristas que deviam chegar ainda este ano

Os óculos inteligentes da Google vão ter uma nova oportunidade de chegar às massas em 2015. Depois de o fundador do projeto, Babak Parviz, ter trocado a empresa pela Amazon, e de muitos programadores terem deixado de investir na plataforma, a Google assinou um acordo com a Intel.

A próxima versão dos óculos futuristas irá ter processador Intel, substituindo o hardware obsoleto da Texas Instruments, segundo fontes citadas pelo Wall Street Journal. Ainda assim, o mais provável é que a Google adie o lançamento comercial dos óculos, que estava previsto ainda para 2014. Até agora, a marca permitiu apenas a aquisição do aparelho através do programa de testes Explorers, com um custo superior a 1200 euros e em ocasiões específicas (a última foi em abril deste ano).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG