"Não faz sentido aumentar mais os impostos no privado"

O presidente da EDP, António Mexia, defendeu hoje que "a solução de mais impostos sobre o setor privado não faz sentido", referindo-se à eventual retirada de um dos subsídios aos trabalhadores do privado em 2013.

Admitindo que o chumbo do Tribunal Constitucional (TC) à suspensão do pagamento dos subsídios de férias ou de Natal aos funcionários públicos e aposentados "vem colocar pressão em arranjar soluções", António Mexia defendeu que "a solução de mais impostos sobre o setor privado não faz sentido".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG