Menezes diz que destruir Estado Social é "erro enorme"

O social-democrata Luís Filipe Menezes disse hoje ser "um erro enorme" destruir o Estado Social para aumentar a competitividade e defendeu um avanço das autarquias para funções sociais perante os "recuos" do país nas atuais "circunstâncias transitórias".

"Sou um defensor do Estado Social. A ideia um pouco troikiana que há por aí, é que a competitividade da Europa se fará à custa da destruição do Estado Social Europeu. É um erro enorme", frisou o também candidato do PSD à Câmara do Porto, em declarações aos jornalistas no fim de uma visita ao Serviço de Pediatria do Centro Hospitalar de S. João.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG