Comerciantes têm perdas de 444 milhões devido a roubos

O sector retalhista em Portugal perdeu cerca de 444 milhões de euros devido aos furtos no ano passado.O nosso país está entre os que apresentam um índice mais baixo de roubos a nível mundial, com uma percentagem de 1,2% de perdas, abaixo da média mundial de 1,4%. A maior parte dos roubos, em Portugal, são praticados por clientes e por trabalhadores, adianta o Barómetro Global do Furto em Retalho 2012-2013.

Em todo o mundo, a perda desconhecida no setor retalhista representa 1,4% das vendas, cerca de de 88,8 mil milhões de euros. Os acessórios de moda, calças de ganga, sapatos, roupa anterior, artigos electrónicos ou telemóveis, fazem parte da lista dos artigos mais furtados.

Ler mais

Exclusivos