Gestores das 'swap' demitidos com efeitos a 6 de junho

O governo demitiu hoje por resolução publicada em Diário da República, com efeitos a 6 de junho, os gestores das empresas públicas envolvidas em contratos 'swap' especulativos na CP, Metro de Lisboa, Carris, Metro do Porto, STCP e EGREP.

Os referidos contratos resultaram em "prejuízos avultados e riscos significativos" para o erário público, justifica o Conselho de Ministros na resolução, salientando também que o exercício de funções como gestor público pressupõe a manutenção de uma relação de confiança entre o Estado e o gestor.

No Metropolitano de Lisboa é deliberada a demissão "por mera conveniência" de José Silva Rodrigues e pelo mesmo motivo é demitido João Pedro Costa do Vale Teixeira da presidência da Entidade Gestora de Reservas Estratégicas de Produtos Petrolíferos (EGREP).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG