FMI começa a perder a esperança no futuro da Grécia

O Fundo Monetário Internacional (FMI) perdeu a fé na capacidade da Grécia recuperar da crise económica, perante o fraco progresso na cobrança de impostos e pelo baixo valor arrecadado com as privatizações de empresas estatais.

Segundo o jornal alemão Der Spiegel, o FMI considera que a república helénica não vai conseguir amortizar a sua dívida através do plano de resgate da troika - FMI, Banco Central Europeu e Comissão Europeia.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG