Estamos (mesmo) a comer menos bifes

A presidente do Banco Alimentar contra a Fome, Isabel Jonet, referiu que os portugueses não podem comer bifes todos os dias se não houver dinheiro para isso. E a verdade é que estamos mesmo a comer menos bifes.

Cartas abertas e petições públicas foram lançadas na Internet a pedir a demissão de Isabel Jonet do cargo de presidente do Banco Alimentar contra a Fome na sequência de algumas afirmações que fez num debate na SIC Notícias, na terça-feira. Numa delas, a responsável dizia que os portugueses não podiam comer bifes todos os dias quando não há condições económicas para isso.

E, dizem as estatísticas, desde o início da crise, o consumo de carne em Portugal caiu 4,4%. Desde 2008 que apenas as carnes de aves conseguiram ver o seu saldo crescer.

Dados do Instituto Nacional de Estatística referentes ao ano passado (últimos disponíveis) indicam que desde o início da crise o total de consumo de carnes caiu 5 quilos por habitante.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG