Elétricas pagam 20 euros se falharem hora da visita

As empresas de eletricidade vão ter de pagar 20 euros ao cliente se chegarem atrasadas ou falharem as horas marcadas para ir a casa de um cliente, por exemplo, para ler o quadro elétrico ou para uma reparação. O mesmo se passa com o cliente que, se não estiver em casa na hora marcada, terá de pagar os mesmos 20 euros à empresa.

A contrapartida é que as visitas passam a ser agendadas entre a empresa e o cliente para que se possa encontrar a hora mais conveniente para ambos e, além disso, essas visitas terão um intervalo de duas horas e meia para minimizar os tempos de espera que costuma ser longos, por exemplo, uma manhã ou uma tarde inteira.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG