Défice orçamental duplica num mês mas cumpre limite

O défice orçamental das administrações públicas na primeira metade do ano fixou-se nos 3.845,7 milhões de euros, mais de dois mil milhões de euros abaixo do limite trimestral acordado com a 'troika', mas mais do dobro do que em maio.

De acordo com o Ministério das Finanças em comunicado sobre os dados divulgados hoje pela Direção-Geral do Orçamento, o défice orçamental em contabilidade pública (fluxos de caixa) calculado segundo as regras da 'troika' para o final do primeiro semestre do ano era de 6.000 milhões de euros, limite já revisto de acordo com o novo défice orçamental.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG