Défice orçamental deve ficar nos 5,1% do PIB

O secretário-geral adjunto da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) estimou esta segunda-feira que o défice orçamental para 2013 fique nos 5,1% do PIB e defendeu que é importante permitir um desvio das metas orçamentais.

Numa declaração enviada à agência Lusa, Yves Leterme considerou que o défice orçamental de 2013 deverá ficar nos 5,1% do Produto Interno Bruto (PIB), abaixo da meta de 5,5% acordada com os credores internacionais para esse ano.

Exclusivos