Crise cambial na Argentina atira bolsas para o vermelho

A Bolsa de Lisboa terminou a última sessão da semana em terreno negativo, a acompanhar as quedas registadas pelas principais praças europeias, pressionada pelas ações do sector financeiro e pelos pesos-pesados.

Na Europa, as principais praças fecharam com quedas que oscilaram entre os 1,7% da bolsa britânica e os 3,5% do índice espanhol, tal como no outro lado do Atlântico em que as praças norte-americanas seguem igualmente em terreno negativo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG