"Confio plenamente" no Governo, diz Ulrich

O presidente do Banco BPI escusou-se hoje a comentar a possibilidade de Portugal seguir o exemplo da Irlanda e prescindir de um programa cautelar após o fim do resgate internacional, dizendo que "confia plenamente" na decisão do executivo.

"Eu nunca falo desse assunto. Já disse muitas vezes que, nesse assunto, confio plenamente no primeiro-ministro, na ministra das Finanças, no vice-primeiro-ministro e no Governador do Banco de Portugal", declarou Fernando Ulrich aos jornalistas .

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG