Clientes de gás podem mudar as vezes que quiserem

Os consumidores de gás que estejam no mercado livre vão poder mudar de empresa as vezes que quiserem, tal como já acontece hoje na eletricidade.

Os consumidores de gás que estejam no mercado livre vão poder mudar de empresa as vezes que quiserem, tal como já acontece hoje na eletricidade.

Esta alteração, que elimina o limite de mudar apenas quatro vezes por ano, é uma das que o regulador vai colocar agora em consulta pública e que tem como objetivo tornar o processo de mudança de comercializador de gás natural mais simples e transparente.

A ERSE vai propor ainda que o prazo máximo para a concretização da mudança de comercializador seja de três semanas e também como já acontece na eletricidade.

Além disso, os clientes poderão escolher a data preferencial para mudar de fornecedor, mas num máximo de 30 dias.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG