BBVA não suportará perdas na reestruturação da banca

O conselheiro delegado do BBVA afirmou hoje que a entidade está aberta a possíveis oportunidades no mercado mas que não "suportará qualquer perda" que possa surgir por compras no âmbito da reestruturação do setor financeiro espanhol.

Ángel Cano falava aos analistas na conferência de análise dos resultados de 2011 do BBVA, que registou lucros líquidos de 3.004 milhões de euros, menos 34,8% que no ano anterior, devido principalmente a um ajuste contabilístico nas suas operações nos Estados Unidos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG