CGTP marca duas manifestações nacionais para junho

A CGTP marcou hoje (quarta-feira) duas manifestações nacionais para o próximo mês, a primeira para dia 9, no Porto, e a segunda para o dia 16, em Lisboa.

A realização destas ações de luta foi decidida na reunião do Conselho Nacional da Intersindical e anunciada aos jornalistas pelo secretário-geral, Arménio Carlos.

"Vamos fazer duas grandes manifestações em junho pelo aumento dos salários, pelo emprego, pelos serviços públicos, pela mudança das atuais políticas e contra o empobrecimento generalizado", disse Arménio Carlos.

O líder da Inter aproveitou a conferência de imprensa para lançar um apelo, em nome do Conselho Nacional, aos trabalhadores portugueses e às suas famílias para participarem nos protestos promovidos pela CGTP contra a alteração da legislação laboral.

"A alteração da legislação laboral não é uma questão que diga respeito só aos trabalhadores, a lógica do trabalho forçado tem consequências negativas imediatas nos orçamentos das famílias", disse Arménio Carlos referindo o corte dos quatro feriados e dos três dias de férias majoradas como "trabalho gratuito e forçado".

O secretário-geral da CGTP disse ainda que o Conselho Nacional repudiou a posição do Governo português, que enviou o Documento de Estratégia Orçamental para Bruxelas sem informar os parceiros sociais ou os partidos representados no Parlamento sobre o respetivo conteúdo.

"Este Governo está a repetir os mesmos erros que o Governo anterior", disse lembrando idênticas atitudes do anterior primeiro-ministro José Sócrates.

"É uma enorme falta de respeito pelos portugueses, pelos parceiros sociais e pelas instituições", acrescentou.

Exclusivos

Premium

Liderança

Jill Ader: "As mulheres são mais propensas a minimizarem-se"

Jill Ader é a nova chairwoman da Egon Zehnder, a primeira mulher no cargo e a única numa grande empresa de busca de talentos e recursos. Tem, por isso, um ponto de vista extraordinário sobre o mundo - líderes, negócios, política e mulheres. Esteve em Portugal para um evento da companhia. E mostrou-o.