Administração da TAP fica "até à privatização"

O presidente da TAP, Fernando Pinto, afirmou hoje que a atual administração, cujo mandato terminou em final de 2011, vai continuar "até à privatização" da companhia.

"Continuamos o processo de gestão normal até à privatização, quando será não sei", afirmou hoje Fernando Pinto, em conferência de imprensa, quando questionado sobre a manutenção do conselho de administração, que se encontra em gestão há mais de um ano.

Em relação ao lançamento do novo processo de privatização da TAP, o presidente adiantou que "o Governo pretende tomar uma decisão muito em breve sobre quando reabrirá o processo".

A TAP fechou o ano de 2012 com um lucro de 16 milhões de euros, que compara com 3,1 milhões de euros do ano anterior, o que foi considerado "uma grande vitória e um grande resultado" no atual contexto da economia portuguesa e europeia.

"A TAP teve uma performance excecional num ano muito difícil da economia portuguesa e europeia", afirmou hoje o administrador financeiro da TAP, Michael Connoly, em conferência de imprensa, realçando que a empresa regista resultados positivos pelo quarto ano consecutivo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG