10% dos portugueses admite deixar a casa este ano

O Eurobarómetro de dezembro revela que 10% dos portugueses admite deixar a casa este ano. É o dobro do número registado no ano passado.

Os números apontam para cerca de um milhão de pessoas que admite deixar a casa onde vive, segundo dados de um estudo Eurobarómetro realizado em dezembro.

O mesmo estudo revela que 66% dos inquiridos espera que 2012 seja pior do que 2011 e 80% diz-se preocupado com a sua reforma.

O Eurobarómetro avança ainda que pelo menos dois milhões de portugueses não conseguiram pagar as contas mensais da casa, comida ou outros bens essenciais, pelo menos uma vez durante o último ano, segundo a TSF.

Cerca de 5% dos portugueses inquiridos admitiram ter por norma algumas ou muitas contas em atraso, ao passo que metade dos portugueses diz não ter capacidade para responder a uma despesa inesperada de mil euros.

Outro dado em análise pelo Eurobarómetro dizia respeito às contas do dia a dia: 15% dos inquiridos afirmou que têm um alto risco de não conseguir pagar as contas do dia a dia em 2012, nomeadamente a renda ou a prestação da casa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG