Valor das pensões vai mudar todos os anos

Governo já sabe como vai fazer os cortes definitivos. Pensões vão baixar ou subir em função da economia e do emprego e com impacto já em 2015.

O "Jornal de Negócios" escreve na sua edição de hoje que "o Governo já encontrou a solução para cortar nas pensões de forma "duradoura" de 2015 em diante, de modo a substituir a contribuição extraordinária de solidariedade (CES). A ideia em cima da mesa é fazer depender o valor das pensões em pagamento de indicadores que reflictam a sustentabilidade do sistema de Segurança Social. Em anos de crescimento, com baixo desemprego, salários a subir e a cobrir os encargos com as pensões, o valor das reformas poderá aumentar. Em períodos recessivos como o actual, as pensões dofrem um corte".

Segundo o jornal, "na prática, trata-se de adotar o que tecnicamente se designa por "fator de revalorização anual das pensões". Este factor será calculado a partir de um conjunto pré-definido de indicadores e todos os anos ditará o ajustamento necessário. Quanto baixarão as pensões em cada ano dependerá da fórmula de cálculo que venha a ser definida".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG