Sucesso da Irlanda foi ter assumido receita da troika

"O sucesso da Irlanda foi termos assumido o programa como nosso", afirma em entrevista Brian Hayes, secretário de Estado das Finanças irlandês, acrescentando que a saída limpa é o trampolim para uma recuperação económica mais sustentável.

O "Jornal de Negócios" escreve hoje que "Brian Hayes, secretário de Estado das Finanças da Irlanda, não tem dúvidas de que a saída limpa foi a melhor opção para a Irlanda, permitindo ao governo "assumir o controlo dos acontecimentos". Riscos para o futuro existem, mas estão sobretudo do lado externo, dada a forte aposta da economia nas exportações. Quanto aos bancos, mostra-se confiante.

Segundo o jornal, Hayes "estará na quarta-feira em Lisboa a falar sobre o pós-troika da Irlanda. Brian Hayes é o equivalente a secretário de Estado das Finanças e, em entrevista feita por e-mail, afirma-se convencido de que o sucesso da Irlanda é o resultado de o Governo irlandês ter assumido o programa de ajustamento como sendo seu e não dos credores. Além disso, a ampla maioria do Governo e a paz social obtidas com um entendimento alargado permitiu, considera, aplicar as difíceis medidas do programa. Quanto à opção pela designada "saída limpa", sem programa cautelar, o ministro júnior de Michael Noonan afirma que o fator central foi o Governo poder reassumir o controlo dos acontecimentos".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG