Seguro quer maioria absoluta

Líder socialista promete consensos mas só quando for primeiro-ministro. Comissão Política eleita no congresso deixa de fora apoiantes históricos de Sócrates. Na RTP, o ex-líder do PS acusa Cavaco de "manipulação".

António José Seguro encerrou o XIX Congresso do PS com uma bateria de propostas governativas e pediu aos eleitores uma maioria absoluta que admitiu vir a temperar com com uma coligação alargada, escreve o "Público".

O atual líder socialista prometeu ainda recuperar um instrumento de António Guterres para alargar a área de influência social do PS, uma Conveção Novo Rumo aberta a todos" para preparar o programa eleitoral a apresentar nas próximas eleições legislativas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG