Seguro dos bombeiros não cobre queimaduras

Os bombeiros portugueses, voluntários e profissionais, reivindicam a criação de um seguro único que possa salvaguardar o tratamento de queimaduras e terapias prolongadas, avança hoje o Jornal de Notícia. Numa altura em que perderam regalias ao nível do Serviço Nacional de Saúde,acrescenta.

Fernando Curto, presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais disse ao Jornal de Noticias que "neste momento, não há nenhum seguro que garanta a cobertura de queimaduras".

"As apólices não contemplam especificamente queimaduras por causa dos gastos adjacentes, intervenções dispendiosas e depois, quando surge um problema dessa natureza, os bombeiros descobrem tratar-se de uma despesa não contemplada pela companhia", explicou ao JN.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG