Relatório de fiscalistas alerta para risco da fuga de capitais

Um estudo encomendado pelo governo de Sócrates defende que a tributação dos mais ricos deve incidir sobre o rendimento, avança hoje o jornal i.

A ideia de um imposto especial sobre fortunas faz sempre sucesso em tempos de crise nas contas públicas. É a tradução política da mensagem popular "os ricos que paguem a crise". Segundo o jornal i, isso é sublinhado no relatório do grupo para o estudo da política fiscal que foi encomendado pelo governo de José Sócrates.

O documento elaborado no final de 2009 deixou um alerta: " A tributação especial de grandes fortunas teria um efeito imediato de fuga e alienação de patrimónios em bens imóveis numa economia aberta e globalizada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG