PSP reformado saca 26 milhões

Agente de 39 anos foi condenado a 12 anos de prisão por fraude com combustíveis, escreve hoje o Jornal de Notícias. Sete outros membros de gangue também foram presos.

O Tribunal de Torres Novas condenou 15 arguidos e declarou perdido para o Estado um total de 31 milhões de euros. Sete dos arguidos foram sentenciados com prisão efetiva.

De acordo com o JN, o PSP de 39 anos, reformado, foi condenado a 12 anos de prisão e à perda de 26,6 milhões de euros ganhos no crime. Dos outros 14 arguidos, o Estado vai receber mais 5 milhões.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG