Porto gasta 150 mil euros na limpeza de grafitos

Em quatro meses, a brigada antigrafitos da Câmara Municipal do Porto já limpou 18 ruas. O trabalho é (quase) infinito, mas a Autarquia tem a convicção de conseguir eliminar "uma grande parte dos locais mais atingidos". Só para este ano a Câmara reservou 150 mil euros em equipamentos e materiais para o trabalho de remoção dos rabiscos.

Além de ter 17 elementos (sete da Câmara e dez colocados pela Segurança Social) em três turnos a trabalhar afincadamente (o último acaba por volta das duas da manhã), o município conta com uma ajuda da "praxe cívica" da Universidade Lusófona que voluntariamente tem alunos a dar uma mão.

O passo seguinte, segundo declarações de Joana Soares, adjunta do vereador do Ambiente, ao "Jornal de Notícias", é assinar um protocolo com a Federação Académica do Porto, que permita não só concertar mais ações de rua deste género (a próxima é quinta-feira, no Campo Alegre), mas também "sensibilizar os jovens para esta problemática".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG