PJ faz doze buscas no processo das PPP

Empresas cujos administradores tinham ligações ao Governo PS alvo de buscas das autoridades, escreve o 'Correio da Manhã'.

A Polícia Judiciária investiga os pagamentos exagerados nas inaugurações, tendo sido feitas buscas a várias empresas e apreendidos novos documentos na Estradas de Portugal.

Em causa estão sete cerimónias entre o Tribunal de Contas detetou uma despesa de 750 mil euros. A PJ suspeita que parte desse dinheiro serviu para enriquecer os gestores das mesmas. E que terá sido pago de forma fraudulenta pelo Estado, segundo o 'Correio da Manhã'.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG