Passos deu "indicação" ao GES em 2013 para afastar Ricardo Salgado

Reuniões entre Carlos Costa e o primeiro-ministro sobre a contaminação do GES ao BES começaram em outubro de 2013 após o Banco de Portugal tomar conhecimento do "buraco" de 7 mil milhões de euros, escreve o Público.

O governador do Banco de Portugal negociou com Ricardo Salgado o seu afastamento do BES após o aumento de capital do banco, completado em julho deste ano, adianta ainda o Público.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG