Obras de Miró: ou há leilão ou há indemnização

Caso o leilão das 85 obras de Joan Miró que ficaram no Estado após a nacionalização do BPN não aconteça, a leiloeira Christie's poderá ter de ser indemnizada.

O semanário Expresso escreve hoje que a Christie's não deverá abrir mão da indemnização que o Estado português lhe terá de pagar caso o Tribunal Administrativo de Lisboa dê seguimento à providência cautelar interposta na quinta-feira passada pelo PS para impedir o leilão, marcado para terça e quarta-feira em Londres.

A leiloeira pagou os seguros e o transporte das 85 obras, que pertenciam ao BPN e que ficaram nas mãos do Estado após a nacionalização do banco, em 2008, e tem direito a uma indemnização caso o leilão não aconteça.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG