Vagas congeladas no Ensino Superior

Universidades e politécnicos não podem abrir mais vagas do que o ano letivo passado. Nem criar novos cursos que já existam no mesmo distrito.

O "Correio da Manhã" escreve hoje que "no dia em que apresentou as linhas de reforma do Ensino Superior, o Ministério da Educação e Ciência (MEC) voltou a impor a manutenção do número de vagas para novos alunos. O despacho de fixação de vagas para 2014/15, divulgado ontem, estipula que "o número total de vagas de cada instituição" não pode ser superior às fixadas "em cada um dos dois últimos anos letivos". Em 2013/14 foram abertas na 1ª fase do concurso nacional de acesso 51.461 vagas e, no ano letivo anterior, tinha havido 52.298 vagas. Este "congelamento" surge num contexto de redução de quase 10 mil candidatos ao Superior nos últimos três anos".

Exclusivos